Feeds:
Posts
Comentários

Archive for julho \31\UTC 2009

Composição

Gordura hidrogenada
água oxigenada
intoxicada.

Doida indomada
mente acelerada
superestimada.

Fera devastada
mágoa exagerada
desaventurada.

Mulher mal acabada:
sou quase tudo
e mais nada.

Anúncios

Read Full Post »

Onomatopéia

Outro dia
eu aprendi a falar
coisas difíceis.

A primeira palavra
do meu novo bê-a-bá
foi
imbróglio.

Adorei
a sonoridade trôpega
das consoantes
a multiplicar a confusão
que dói direto
no estômago.

Foi difícil
esticar essa massa
de letras elásticas
que fermenta na boca

até dissolver
o imbróglio.

Read Full Post »

Prêmio São Paulo de Literatura - Livros na Mercearia São Pedro - França3 -  Foto Cintia Sanchez

No bar Mercearia São Pedro, na Vila Madalena, escritores finalistas do Prêmio São Paulo de Literatura vindos de diversos estados se reúnem para um happy hour na segunda-feira (27.07). Carola Saavedra vem do Rio de Janeiro; Ronaldo Correia de Brito e Walther Moreira dos Santos, de Pernambuco; Javier Arancibia Contreras, de Santos; Estevão Azevedo, de São Paulo mesmo, entre outros.

Ao invés dos tradicionais pastéis que leva na bandeja de mesa em mesa, o famoso garçom França vai “servir” os 20 livros finalistas, que ficarão no bar à disposição do público para serem folheados até o anúncio dos vencedores, no dia 3.08, no Museu da Língua Portuguesa. Só não vale levar o livro para casa.

Read Full Post »

Café com leite

Eu achava que você
me contaria
antes de eu perguntar.

Sua chance
de não se repetir,
de botar a vida
pra andar.

Ontem, 
a moça do café
me deu um doce.

(Acho que era
a preta velha disfarçada)

Disse pra eu comer depois,
mas eu não obedeci.

Ela atravessou os meus olhos
e puxou meus pensamentos.
Deu de cara com você.
Devolveu.

Meu chá esfriou.
Perdi a vontade
dele
e de você.

Read Full Post »

Do chão
não passa.

Não tem problema,
eu cavo.

Read Full Post »

Dormideira

I.
Você não encosta mais
um dedo em mim.

***
II.
Quem quer brincar
põe o dedo aqui
que já vai
fechar.

dormideira

Read Full Post »

Terapia doméstica

Tá em crise existencial?
Pode varrer o quintal.

Tá pensando na vida?
Prepare a comida.

Tá passando mal?
Tire a roupa do varal.

Tá sem grana?
Vá cortar a grama.

Tá se sentindo sozinho?
Cuide dos meus 5 filhinhos.

Tá deprimido?
Tome um comprimido.

E se nada adiantar?
Te arrumo um tanque de roupa pra lavar.

Read Full Post »

Older Posts »